segunda-feira, 2 de novembro de 2015

Gatificação do ambiente que o gato fica é importante ?



Hoje  vou tratar de um assunto  importante  gatificar a casa para o gato , muitas pessoas  relutam em fazer isso porque  falam que estraga a decoração    a pergunta  é gatificar  é realmente importante ?

Sim  é importante  os gatos  não são como os seres humanos  , eles  tem necessidades  e hábitos diferentes .
A maioria dos gatos aceita viver bem em seus espaços, mas o ideal mesmo seria proporcionar a ele um local onde possa exercer toda a sua felinidade, que ele possa ser o gato que realmente é! Gatos que vivem em ambientes pobres costumam ter problemas indesejáveis, como tornarem-se ariscos, arredios, agressivos, começam a estragar os móveis, urinar em locais inapropriados, querer fugir quando você abre a porta, etc. Muitas vezes tornam-se inconvenientes, acredite!

Do mesmo modo que adaptamos nossas casas para idosos e bebês viverem com segurança e harmonia, é ideal que o ambiente também seja adaptado para animais. Por exemplo, a maioria dos cães precisam de espaço livre, e principalmente, de momentos intensos com seus humanos.

No caso dos gatos, há algumas regras a observar:

gatos gostam de se esconder
gatos gostam de locais altos
gatos gostam de arranhar
gatos gostam de se exercitar de maneira intensa em curtos períodos do dia, geralmente no crepúsculo e na alvorada



Gatos gostam de se esconder


Gatos podem preferir ficar entocados, principalmente quando há presença de algum ser estranho no recinto, seja uma pessoa, um cachorro ou um novo gato, ou mesmo em momentos estressantes como época de fogos de artifício. Para evitar discórdias e desavenças, o melhor a fazer é proporcionar um local em que ele possa se sentir seguro durante esses períodos conflituosos. Geralmente o mercado oferece tocas ou túneis que se enquadram perfeitamente para o propósito.

Muitas vezes um guarda roupas ou uma gaveta abertos resolvem esse tipo de situação. Mas nem todos toleram que um gato fique enfurnado soltando pelos em suas roupas. Outra boa alternativa é deixá-los repousar em baixo de uma cama, muitos gatos adoram.  Como eu disse: tendo um gato em casa, é preciso se adaptar!! Caso contrário, não tenha gatos!O problema disso é que o gato poderá viver escondido por muito tempo, e mesmo se a situação estressante já tiver se retirado, muitas vezes ele poderá continuar um gato tímido ou mesmo agressivo por medo, voltando a se entocar sempre que puder, mesmo que não haja motivos para isso.
O segredo é garantir-lhe o segundo lugar mais preferido: as alturas. É o que vamos ver no próximo tópico.


Gatos gostam de locais altos

Os felinos são caçadores exímios e uma de suas técnicas é a observação. Por isso é muito comum que as onças e suçuaranas se encontrem nos altos de árvores. Outra vantagem de ficar nas alturas é a proteção: de lá, o felino pode observar a todos sem ser observado. De grandes centros a pequenas cidades, o gato doméstico também possui essa preferência, com a diferença de que aqui ele pensa que pode observar sem ser observado. Sim, porque todos nós adoramos observar nossos felinos subindo e descendo por tudo o quanto é estante, certo?? Errado! Tem gente que odeia e essa é uma das maiores queixas de quem tem  gatos. E muitas vezes também, infelizmente, é uma das causas do abandono e do repúdio aos felinos!!

Bom, temos que nos adaptar, não é mesmo!! Pensando nisso, o ideal é a instalação de prateleiras pela casa. Há algumas próprias para os gatos, que podem ser adquiridos em alguns pet shops. Mas você também pode bolar, comprando prateleiras em lojas de decoração, materiais de construção, pedindo para um marceneiro fazer, etc.Para estimular que ele fique em suas prateleiras, procure instalá-las em locais que você costuma passar mais tempo, como uma sala, um quarto, ou até mesmo na cozinha. Outra dica é forrá-las com um pedaço de carpete ou um tapete para que fiquem aconchegantes e convidativas para os felinos. Você pode colocar petiscos, anexar brinquedos ou jogar lasers nas paredes adjacentes às prateleiras para que o gato se interesse pelas pelas mesmas e perca a vontade de subir em estantes.Outra boa opção é a aquisição de torres de gato.

Cuidado para não mudá-los de lugar demais! Gatos amam rotinas e detestam que cada dia seu playground esteja em um lugar! Respeito é bom e os gatos gostam. Se o gato já se afeiçoou à sua torre naquele lugar, só mude se for estritamente necessário.

Gatos gostam de arranhar



É da natureza do gato arranhar por dois motivos principais: demarcação visual e olfativa de território e desgaste da unha. Ao arranhar, o gato deixa marcas visíveis que, instintivamente, ficam para a posteridade. Na natureza, serve para alertar outros felinos e animais de sua presença naquele ambiente. As unhas também deixam o cheiro do gato naquele arranhado, reforçando ainda mais a mesma presença. Além disso, ele aproveita e faz a manicure, aparando as garras, tirando as placas de unhas que se destacam e mantendo o fio para arranhar, se defender melhor, caçar melhor, etc.
Se você não proporciona ao gato um local para ele arranhar,   ele vai usar seu sofá, seu box da cama, seus tapetes. Para evitar isso o melhor é  arrumar  um arranhador para ele. No mercado, encontramos bons produtos. Para que o gato se interesse mais pelo novo arranhador, pode ser necessário borrifar catnip líquido. Se for preciso, forre com fita adesiva de dupla face, por um tempo, os móveis onde o gato está arranhando. Assim o gato passará a usar única e exclusivamente o arranhador para afiar as garras!


Gatos gostam de exercícios intensos em poucas horas do dia



Quem tem gato, tem também um despertador. Basta o dia começar a raiar e já começa a lambeção. Em seguida, ele precisa comer, pois passar o dia e a noite dormindo dá fome! E depois que come, vira um foguete, disparando para um lado e para o outro. Se forem dois gatos, são dois foguetes. Três gatos, três foguetes, e por aí vai. É uma coisa que beira o absurdo, parece até que está pirado!
É nessa hora que você pode interagir com ele, utilizando brinquedos e tudo mais. Mas você se pergunta: "essa hora é hora de ir trabalhar, não tenho tempo para isso!!". Tudo bem, você terá tempo em um outro momento. Apenas o deixe brincar bastante e extrapolar suas energias. Tome muito cuidado com objetos quebráveis, eles poderão não aguentar muito. Mas como eu havia dito: casa com gato deve ser adaptada! E mais uma vez: se você não tiver vontade para isso, é melhor não ter  gato! Ou aceite as consequências!
Depois dessa primeira explosão, o gato volta a se lamber e em seguida se poe a dormir por longuíssimas horas... até que o sol volte a ficar semi apagado: o crepúsculo! Geralmente é quando o proprietário chega em casa depois de um dia de trabalho . O ritual é o mesmo da alvorada. E agora não tem desculpa: reserve uns 10 a 20 minutinhos e brinque com ele! Bom, se tiver outro gato  eles vão brincar juntos .
Uma casa bem gatificada  vai proporcionar  tudo isso que citei , garantindo   tudo que seu gato necessita , arranhar , ficar em lugar alto , afiar a unha  e brincadeiras



Um comentário:

Estou aqui para agradecer a você...
Sua gentileza por tirar um tempo para deixar um comentário
Muito obrigada sua opinião é importante .

Postagens Relacionadas

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...