quinta-feira, 9 de outubro de 2014

Tudo sobre a gestação de uma gata



O período de gestação de uma gata dura cerca de nove semanas. É normal que ela dure entre 57 a 65 dias. A gata prenha passa por várias mudanças físicas conforme progride nos três trimestres de gestação. Geralmente ela dá à luz uma ninhada de dois a seis gatinhos, podendo chegar a oito.

Primeira semana
Uma vez que os óvulos da gata são fertilizados pelo esperma do macho, eles começam a formar uma massa de células que crescem e se dividem. A massa celular é chamada mórula quando 16 células são formadas. Essa mórula se move para dentro do útero da gata, se fixando na parede uterina. O número de mórulas que se implantam e sobrevivem no útero equivale ao número de gatinhos na ninhada. Leva cerca de cinco dias para a mórula alcançar o útero, e ela se conecta à parede uterina dentro de 14 dias após a fertilização.

Segunda semana
Conforme as mórulas se desenvolvem, formando a cabeça e o corpo dos gatinhos, elas passam a se chamar "embriões". Eles vivem dentro de dois sacos de fluidos conhecidos como alantoide e âmnio. O líquido amniótico é composto por nutrientes que os embriões precisam para se desenvolver, tais como sal, açúcar, gordura, proteína e água.

Terceira semana
Conforme o período de gestação continua, a placenta é formada. Ela fixa os embriões à corrente sanguínea da mãe, fornecendo a eles os nutrientes e o oxigênio necessários. A placenta também remove os resíduos corporais dos embriões em desenvolvimento. Depois que a estrutura orgânica deles está formada, eles se transformam em fetos. Isso acontece três semanas depois da fertilização; a gata ainda não demonstra nenhum sinal externo de prenhez.

Segundo trimestre
Durante as próximas três semanas, o feto desenvolve todos os seus órgãos e os sistemas circulatório, muscular e esquelético. O cordão umbilical da mãe continua enviando nutrientes aos fetos. Essa é uma parte importante do período de gestação porque todos os órgãos necessários para um gatinho saudável estão se desenvolvendo. Os fetos começarão a se mover, chutando e virando suas cabeças. Eles também já podem engolir neste ponto. A mãe gata desenvolve uma ligeira "bolsa" na região abdominal durante este período e um veterinário será capaz de sentir os fetos ao examinar a barriga dela.

Terceiro trimestre
Neste ponto do período de gestação da gata, os fetos já têm todos os seus órgãos principais e sistemas corporais. Agora a nutrição da mãe é usada para o crescimento deles. Durante as últimas três semanas da gestação da gata, os fetos crescerão sete vezes até que possam sobreviver fora do corpo da mãe. Os gatinhos agora conseguem abrir os olhos e ouvir sons, e as unhas já crescem. A mãe gata estará notavelmente maior.

7 maneiras de saber se sua gata está prestes a dar a luz
Movimentos e aninhamento
No começo da gravidez, a gata vai ter um comportamento menos alongado que o normal e movimentos precisos e seguros. No fim da gravidez, ela também começará a procurar por um lugar para aninhar. É provável que ela escolha uma área fechada ou o canto de um quarto.

Enjoo matinal e mudanças de apetite
Inicialmente, o enjoo matinal pode levar sua gata a evitar comida. Vômitos também podem ocorrer nesses períodos de enjoo. Apesar disso, quando o parto se aproximar, o apetite da gata vai aumentar significativamente. O peso ganhado da gravidez será concentrado na barriga em vez das outras extremidades do corpo.

Mudanças de aparência
Tetas maiores são os sinais mais óbvios de começo de gravidez em gatas. Elas também estarão mais macias e rosa brilhante. No fim da gravidez, a bariga da gata também estará inchada. Você conseguirá detectar fetos do tamanho de amendoim na barriga inchada quando o parto estiver se aproximando. Não aplique pressão ao sentir esses caroços.

Mudanças de personalidade
Uma gata prenha pode demonstrar comportamento mais afetivo que o usual. Por exemplo, ela pode segui-lo mais frequentemente e miar por atenção. Quando os fetos começarem a se mover, ela vai ficar mais excitada e inquieta.

Contrações
Quando sua gata começar a lamber a área vaginal, espere que contrações sigam logo em seguida. As contrações vão gradualmente aumentar em frequência até que os gatinhos comecem a sair. Por levar várias horas até que ela dê a luz a toda a ninhada.

Parto
Quando a mãe entra em trabalho de parto, ela começa a miar e fica inquieta, procurando por uma área escura e isolada. Sua temperatura cairá dois graus nas 24 horas que precedem o parto. Os miados e o comportamento inquieto podem durar de 12 a 24 horas antes do parto começar. Os gatinhos podem nascer com diferença de minutos entre um e outro, ou com até uma hora de intervalo.



A gata em lactação
Após o parto, a gata apresenta um peso 20% superior ao da altura do cruzamento. Este peso em excesso, composto por reservas de gordura, será integralmente mobilizado para satisfazer as necessidades energéticas durante a lactação.

Com efeito, esta fase requer um gasto energético muito superior ao da gestação. O alimento administrado à gata em lactação tem de conseguir satisfazer as suas elevadíssimas necessidades energéticas.

Após o nascimento dos gatinhos, deve ser administrado à gata um alimento em regime “ad libitum”, ou seja, "à descrição". Este alimento deve apresentar um teor energético bastante superior ao de um alimento de manutenção. Geralmente, o alimento para gatinhos utilizado durante a gestação é, também, adequado à fase de lactação da gata. Deve deixar-se sempre água limpa e fresca à disposição da gata: a desidratação da fêmea, ainda que ligeira, pode comprometer a produção de leite.

Uma gata alimentada "à descrição" durante o período de lactação só retoma o seu peso inicial (anterior à gestação) no momento do desmame, ou seja, 6 a 7 semanas após o nascimento dos gatinhos. Se a gata tiver perdido bastante peso, deve manter-se o alimento de lactação após o desmame das crias, até recuperação do peso ideal.


O desmame dos gatinhos

O desmame é o período de transição do leite para o alimento sólido. À nascença, o tubo digestivo do gatinho está adaptado à digestão do leite materno.

Durante o desmame, a capacidade digestiva do gatinho altera-se, começando a digerir cada vez pior o açúcar do leite. Paralelamente, o gatinho adquire a capacidade de digerir o amido, graças à ativação de uma enzima, a amilase.


O crescimento dos gatinhos
Os fatores que afetam o crescimento e o desenvolvimento do gatinho variam de acordo com o próprio gatinho e com o meio ambiente.

Alguns desses factores são “intrínsecos”, têm um carácter genético…

.Os machos têm maior potencial para crescer do que as fêmeas, mas podem ter um ritmo de crescimento mais lento (várias semanas).

Quanto mais saudável for a mãe melhor será o seu leite e, por isso, o crescimento dos gatinhos será mais rápido.

… e outros são “extrínsecos”, aqueles que dependem
do meio ambiente que rodeia o gatinho.

A falta de higiene é um risco tanto para a mãe como para os gatinhos. O stress pode afetar a ingestão alimentar e perturbar o equilíbrio hormonal dos gatinhos.

Quando a gata tem uma ninhada grande (mais de 5 gatinhos) a quantidade de leite por ela produzida permanece igual tendo, no entanto, de ser repartida por um grupo maior.

Uma gata alimentada com uma dieta de fraca qualidade durante o cruzamento ou a gestação apresenta maior predisposição para ter gatinhos com menor peso à nascença e de não ser capaz de os amamentar.

Uma vez que o ritmo de crescimento dos gatinhos é muito intenso, eles necessitam de um alimento com elevado teor energético, rico em proteínas de elevada digestibilidade e que contenha todos os minerais e vitaminas indispensáveis à construção dos seus músculos e esqueleto.


20 comentários:

  1. Alguém pode me ajudar? Tenho duas gatas as duas estavam gravidas e tiveram a primeira gravidez elas tiveram seus filhotes mas não os amamentam e não sinto interesse delas pelos filhotes acho que elas rejeitaram o que eu faço para eles não morrerem? Pois as gatas não os amamentam e não cuidam deles eu já pesquisei e não se pode dar leite comum a eles. Já tentei por eles em cima da barriga da mãe para mamar mas eles não mamam e a gata não da de mamar pra eles. Alguém pode me ajudar?? =;(

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. bom nao sei direito oque fazer mas eu tive um gato pequeno que apareceu aqui na frende de casa com cordao unbilicau e nos demos leite de caixinha e ele sobreviveu

      Excluir
  2. Bom dia Felipe , nessa situação tem duas maneiras de se resolver a 1 è arrumando uma mamãe gata emprestada , a 2 è dar um leite caseiro feito em casa , fiz uma matéria sobre esse assunto e nela ensino essa receita .

    ResponderExcluir
  3. Nossa minha gata está quase ganhando os gatinhos e está um grude comigo, ela me segue pela casa toda, fica miando sem parar e quer todo tempo ficar no meu colo é normal esse comportamento?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa tarde , sim é normal esse comportamento , depende muito do temperamento de cada animal . Tem pet que não deixa chegar perto quando esta grávida e mesmo depois que os filhotes nascem também não deixa ficar perto e tem pet que fica grudado com o dono como a sua .E digo mais ela vai ter os filhotes perto de você, embaixo da cama por exemplo e vai te chamar para ver as crias .

      Excluir
  4. Pode dar leite a gata que está amamentando?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom dia , o gato adulto não pode tomar leite , por isso não recomendo dar leite para tua gata .

      Excluir
  5. Olá! Minha gata está prenha, e pelo tamanho da barriga, acredito que já esteja próxima do fim da gestação, porém não vejo sinais de que ela está gerando leite pra amamentar os gatinhos.. Isso é normal? Só fica maior quando está próximo de parir mesmo, ou tem algo que eu possa fazer? ?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom dia , Gabriela tudo bem com você ? Pelo que me disse do tamanho da barriga da tua gata ela está perto de dar a luz e nesse caso já deveria ter leite , não posso te dar certeza porque não sei quanto tempo de gestação ela tem , mas existe alguns casos que a gata não produz leite ou vem mais tarde , para saber ao certo essas respostas te aconselho a ir no veterinário ele através de exames vai te responder se tua gata já tem leite ou se tem algum problema em produzir leite.

      Excluir
  6. Bom dia. Acabei ficando com a gata da vizinha que mora ao lado, porque ela se acostumou com a minha. A gata ficou prenha nesse meio tempo. Teve cinco filhos saudáveis. Hoje eles tem um mês e dois dias. A mae (gata) de duas semanas para cá vomitou um dia da semana, melhorou, mas voltou a vomitar um dia da outra semana, melhorou e hoje vomitou de novo. Esta bem magra. Ela é super atenciosa com os filhos. So quando esta assim que fica na dela e eu evito que ela fique com filhotes. O que ela tem? (Dei Plasivet para enjoou).

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom dia Cristina, a causa dos vômitos podem ser diversas uma delas pode ser bola de pelo . O que te aconselho é levar no veterinário , não auto medicar, como disse existe vários fatores pelo qual tua gata vomita e só o veterinário que pode descobrir a origem do que causa isso.

      Excluir
  7. Obrigado. Eu levei, eu uma infecção grave, vai tomar antibiótico, e outros remédio para enjoou e um outro. Pediu untrasson para ver se não há resto de plascenta. Mas como pode os gatos já tem 33 dias. E esse vomito apareceu tem duas semanas.

    ResponderExcluir
  8. Olá, bom dia, tenho uma gata e creio que esteja prenha, ela aumentou a ingestão de alimentos e está ainda mais sonolenta, mas minha dúvida é quanto a limpeza do local onde ela e os filhotes vão ficar, deixei uma caixa com panos no canto do quarto, esse pena deve ser trocado após o nascimento dos filhotes e em outros dias também? Obrigada 😊

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa noite, sim aconselho a troca desse pano todos os dias , apesar da gata dar banho nos gatinhos recém nascidos a troca evita sujeira que pode trazer bactérias e os gatinhos acabarem ficando doentes .

      Excluir
    2. Oi, minha gata está esperando filhotes(acho mais bonitinho dizer assim) a dois dias ela apareceu doente, levamos no veterinário e ele disse que ela comeu veneno de rato, ele disse que os filhotes estão bem. Sabe me dizer se corre risco de ela parir e morrer depois ?
      Quando os filhotes morrem na barriga quais sao os sintomas?

      Excluir
    3. Boa tarde , ela não corre risco de morrer , já vi vários gatos morrerem envenenados e a morte é rápida se o veterinário examinou provavelmente já medicou ela está fora de perigo . Você agiu rápido e isso salvou a vida da tua gata e dos gatinhos.

      Excluir
  9. alguem pode me ajudar??? por favor estou desesperada. Minha gata deu cria a 4 filhotes, mas quando passo a mao pela barriga dela eu sinto uma especie de caroço, nao sei se pode se pode ser um gatinho que morreu e ela nao conseguiu tirar, uma planceta, ou alguma outra coisa. Me ajudem pfvr, sei que o ideal é levar ao veterinario, mas eu nao tenho condições, onde eu moro so a consulta ja é absurdamente cara, pfvr me ajudem!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa tarde , as vezes a gata produz mais leite e os gatinhos não conseguem ingerir tudo ou eles não estão mamando o suficiente em resultado disso o leite fica endurecido parecendo caroço . Meu conselho é que leve á um veterinário para descobrir o que realmente pode ser sem exame não vai descobrir .

      Excluir
  10. Olá, bom dia, faz mais ou menos uma semana que minha gata deu a luz, e ela não para de miar. Não sei se é porque o ninho dos gatinhos está um lugar pequeno ou se ela está com dor. Isso é normal?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa tarde, o gato quando mia quer demonstrar que algo não está bom ou quer chamar tua atenção , faz o seguinte muda ela e os filhotes de lugar se mesmo assim ela continuar a miar dá atenção agrada , se continuar a miar leva no veterinário para fazer uma bateria de exames .

      Excluir

Estou aqui para agradecer a você...
Sua gentileza por tirar um tempo para deixar um comentário
Muito obrigada sua opinião é importante .

Postagens Relacionadas

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...